top of page

Base da AMES em Maturéia tem missionários gêmeos idênticos

Irmãos gêmeos têm mesmo uma ligação especial? Todo mundo acredita que sim! Entre dois gêmeos que moram no interior da Paraíba esse vínculo é ainda mais especial. É que os dois fazem a obra de Deus juntos, trabalhando na Agência Missionária de Evangelização do Sertão (AMES).

André e Adriano Pereira da Silva têm 44 anos e são de Campina Grande, um dos grandes polos industriais da Paraíba, e há quatro meses atuam como missionários em comunidades de Maturéia, evangelizando o povo sertanejo. Eles e suas famílias moram no povoado de Sítio Santana.

O gêmeo André, casado com Maria Aparecida e pai da pequena Noemi, nascida em janeiro de 2023, já estava no campo missionário há vários anos. Ele conta que Deus já havia feito uma promessa de que seu irmão estaria com ele no mesmo caminho.

“Deus me salvou no dia 23 de fevereiro de 2004. Daí em diante passei a orar por minha família e Deus me deu a promessa que iria salvar toda a minha família. Ele salvou primeiro minha irmã Alba no leito de morte, depois salvou minha irmã Ana”, contou André.


Em uma viagem que fez a Campina Grande, André foi à casa de uma vizinha de sua mãe com o irmão. “Pregamos a palavra de Deus para Adriano e, para nossa surpresa, Deus o alcançou.

Daí foi só esperar Deus despertar meu irmão para fazer missões no sertão comigo. A promessa se cumpriu e hoje meu irmão está comigo nesse lugar. Quando Deus fizer uma promessa espere, confie pois Deus vai cumprir”, destacou André.


Já Adriano conta que também recebeu de Deus a visão de que viveria numa casa simples, no pé da serra. E é numa residência igual à da promessa que ele e a esposa Sheila vivem hoje, em Maturéia. Os dois deixaram seus empregos em Campina Grande e também se dedicam à obra missionária.

O trabalho dos missionários gêmeos rende até algumas situações engraçadas, pois muita gente confunde os dois. “Mas é um trabalho muito prazeroso. O segredo é estar focado na obra de Deus”, conta Adriano.


Os trabalhos na base da AMES em Maturéia foram iniciados há quatro meses e já tem crescido. “Tem sido feito de forma gradativa, pois vivemos em um contexto de muita idolatria, mas, temos pedido estratégias a Deus para anunciar com ousadia a palavra dEle. Glória a Deus que já alcançamos algumas comunidades vizinhas e cremos nAquele que nos chamou que vamos alcançar mais vidas, em nome de Jesus”, afirmam os irmãos.

Comments


bottom of page