Blog

1

O sertão precisa da sua oração!

“A oração de um justo é poderosa e eficaz, e ela é uma das principais armas de todo aquele que crê. Podemos ser felizes porque Deus sempre ouve a oração daqueles que se aproximam com humildade”. (Salmos 4:3). O Senhor Jesus Cristo abriu o caminho da oração para todos aqueles que amam e crêem em Deus. Por isso, você é tão importante para o Sertão: a força de sua oração é tanta que pode salvar vidas e ajudar inúmeros sertanejos. Continue lendo este post e ore por este povo!

A importância da oração

O Sertão nordestino é uma região de extrema pobreza e vulnerabilidade social. Em muitas cidades e lugarejos, as famílias vivem abaixo da linha da pobreza. Apesar de ser uma realidade longe e diferente da nossa, ajudar é mais fácil do que você imagina.

As orações de fé levam força, esperança e transformam vidas. Nós, da AMES, te convidamos a colocar os sertanejos em suas orações. Eles precisam de você!

Saiba quais são os motivos para orar pelo sertão

– Ore pelas famílias missionárias, que atuam no Sertão e levam a Palavra e o amor de Deus;

– Ore pelas almas convertidas, para que continuem, fielmente, seguindo o caminho da Salvação;

– Ore pelas famílias desestruturadas, para que Deus, nosso Senhor, possa tocar cada coração e levar a paz;

– Ore para que a religiosidade seja quebrada pela ação do Espírito Santo.

“E o Senhor virou o cativeiro de Jó, quando orava pelos seus amigos; e o Senhor acrescentou, em dobro, a tudo quanto Jó antes possuía”. (Jó 42.10). Este versículo demonstra a importância da intercessão. Quando Jó orou pelos seus amigos, o Senhor Jesus Cristo lhe retribuiu, ajudando a superar seus problemas. Faça como Jó e ore pelo próximo, você receberá em dobro!

Separamos outros conteúdos do Blog que também podem te interessar. Aproveite e confira:

Conheça os projetos da AMES e saiba como ajudar!

Saiba o que é ser missionário no Sertão

1

Mês do Nordestino: povo de fé!

Considerado um dos maiores traços da identidade do Brasil, o povo nordestino é um grande tesouro da cultura nacional. O mês de outubro é dedicado especialmente à esses grandes guerreiros que, apesar de todas as dificuldades, encaram a vida com muita fé e esperança! Confira a homenagem da AMES!

Sertanejo: povo que ama sua terra e sua cultura!

O Sertão Nordestino abrange os estados da Bahia, Pernambuco, Paraíba, Alagoas, Sergipe, Piauí, Rio Grande do Norte e Ceará. A região, conhecida por ser seca e árida, sofre com problemas como a estiagem. No entanto, apesar de todas as dificuldades enfrentadas, o povo sertanejo é forte, guerreiro, humilde e muito alegre.

Para homenageá-los, a AMES convidou o pastor Marcelo Fregnani, que atua com Cuidado Missionário há mais de 27 anos ao lado de sua esposa Denise Fregnani, para prestar um depoimento super especial sobre o povo sertanejo. Confira abaixo:

“Eu sempre digo que o melhor do Sertão são os sertanejos. Pessoas simples, que vivem com pouco, mas são felizes. Amam sua terra, sua cultura e seu povo. São trabalhadores e, apesar da falta de chuva, estão sempre otimistas. Têm uma fé forte em Deus, crendo sempre no milagre que virá das mãos do Criador. Além disso, são pessoas fáceis de criar relacionamentos, e se tornam amigos verdadeiros. São hospitaleiros, gostam de receber pessoas em suas casas e contam com uma marca muito linda: a generosidade. Dividem o pouco que têm com os mais necessitados, demonstrando assim o verdadeiro amor incondicional. Temos aprendido muito com este povo lindo, de uma região do Brasil pouco conhecida pelos brasileiros: o Sertão nordestino rural”.

Conheça a AMES!

Muito mais do que celebrar, o Mês do Nordestino deve ser um tempo para refletirmos e pensarmos em como podemos ajudar a evangelização no sertão. Conheça nossos projetos e saiba como ajudar a AMES a continuar levando o amor de Cristo para o povo sertanejo!

1

Dia do Professor: veja o depoimento de Jhonata Barbosa, da Escola de Missões

Dedicação, sabedoria e persistência: essas palavras definem o trabalho de um professor, o profissional que dedica sua vida para ensinar e cuidar de seus alunos. Neste dia 15 de outubro, quando é comemorado o Dia do Professor, a AMES conversou com Jhonata Barbosa, que é professor e ao lado de sua esposa Sara de Sousa Santos Barbosa, coordena a Escola de Missões. Confira o depoimento:

“A Escola de Missões desempenha um papel muito importante no Sertão. Os alunos vêm para um contexto diferente, conhecem outras bases e outros homens e mulheres de Deus. Assim, eles acabam aprendendo um pouco em cada base, conhecendo a multiforme de Deus. Eu costumo falar com os alunos que quanto mais eles estudarem e se aprofundarem, eles estarão mais preparados para ser uma resposta de Deus para o povo sertanejo. A Escola de Missões cumpre o propósito de instruir, acompanhar e apontar o caminho para que, cada vez mais, os alunos possam servir o Senhor da melhor forma. Neste ano, está acontecendo a quarta edição da Escola de Missões. Ao todo, são 32 alunos de várias regiões do Nordeste brasileiro. Esses alunos são frutos do trabalho de pregação do Evangelho em várias cidades da Bahia, Piauí e Pernambuco. A ideia é capacitar esses irmãos, que já são uma benção em suas cidades, formando esses alunos para que eles possam cada vez mais gerar frutos em suas regiões. Uma coisa que sempre ouvimos dos alunos é sobre o conhecimento que eles estão tendo no projeto. Eles sempre costumam dizer que estão ansiosos para voltar para suas cidades e colocar tudo que aprenderam em prática. Isso é muito gratificante”.

Escola de Missões: selecionamos mais fotos do projeto!

Conheça a AMES!

Clique aqui e conheça mais sobre a Escola de Missões. Conheça também nossos projetos e saiba como ajudar a AMES a continuar levando o Evangelho para o povo sertanejo!

1

Escolas De Missões: conheça o projeto da AMES!

Capacitar sertanejos para os desafios da evangelização: esse é o objetivo da Escola de Missões, um projeto da AMES que promove aulas teóricas e práticas para apoiar e desenvolver o trabalho missionário em meio ao povo sertanejo. Continue lendo e conheça mais sobre este lindo projeto!

Como funciona a Escola de Missões?

Com professores dedicados à causa missionária e com competência e didática para compartilhar os seus conhecimentos e experiências, a Escola de Missões visa formar novos missionários para evangelização no Sertão. Pastores e missionários identificam sertanejos que têm vocação para a causa e os indicam para participar do projeto. Durante o projeto, são ministradas aulas teóricas sobre assuntos teológicos; e aulas práticas em apoio ao trabalho missionário em desenvolvimento e na utilização de projetos sociais como meio de evangelização.

A Escola de Missões está situada em Casa Nova, na Bahia, e conta com uma estrutura onde os alunos podem contar com alojamento, alimentação, internet, material didático, transporte local e material de limpeza. Entre os objetivos estão adaptar o novo evangelizador antes de sua ida ao campo e padronizar o trabalho missionário.

Conheça a AMES!

Conheça nossos projetos e saiba como ajudar a AMES a continuar levando o amor de Cristo para o povo sertanejo!

3

A Fé e as dificuldades do trabalho missionário no Sertão

O trabalho missionário no Sertão tem muitos desafios: além de ser um dos locais menos evangelizados do país, ainda há a distância e a dificuldade de acesso em algumas localidades. No entanto, esse trabalho é muito importante, já que é por meio dele que diversas pessoas conhecem o amor de Deus.

Convidamos o pastor Janderson Malagueta Albuquerque, responsável pela base de Umburanas, na Bahia, para falar um pouco mais sobre a fé e os desafios do trabalho missionário no Sertão. Confira o depoimento:

“O povo sertanejo é um povo especial. E o intuito de Deus é alcançar e transformar as vidas e a realidade deste povo. Aqui no Sertão, temos testemunhado histórias fascinantes do que Deus tem feito por meio de Sua Palavra e de atos práticos na vida de muitas pessoas.

Conheço homens que foram alcançados por Cristo e têm superado o vício do álcool e das drogas. Conheço mulheres que entendem que têm valor pois Cristo as amas e, apesar de suas falhas passadas, são aceitas e amadas pelo nosso Criador. Hoje vejo jovens sonhando com um futuro melhor, pois não enxergavam uma vida diferente. Conheço jovens que não têm mais vergonha de sorrir, pois hoje seus sorrisos foram restaurados.

O povo sertanejo é um povo de fé e de fibra, mas que precisa conhecer profundamente Cristo Jesus, que quer salvar e transformar as suas vidas e o ambiente onde eles residem, para que eles possam enfrentar os desafios da melhor maneira, entendendo que Cristo está ao seu lado em todas as circunstâncias.

Os desafios ainda são grandes. Ainda há muitos povoados não alcançados. Pessoas carentes do Evangelho de Cristo, mas nossas expectativas em Deus são grandes. Assim como os desafios são grandes, o Senhor também tem levantado um enorme exército que tem trabalhado em prol do povo sertanejo. Pastores, missionários… homens, mulheres e jovens têm se comprometido e investido para o avanço do Reino de Deus em meio ao Sertão”.

Conheça a AMES!

Conheça nossos projetos e saiba como ajudar a AMES a continuar levando o amor de Cristo para o povo sertanejo!

2

Projetos da AMES: conheça três deles e saiba como ajudar!

A terra seca do Nordeste está sedenta por água. Os corações dos que habitam esta região, por sua vez, têm sede de uma porção muito maior: a Palavra de Deus. A AMES entende o propósito e, por meio de ações missionárias no Sertão, quer impactar, transformar e participar do avivamento que o Evangelho anuncia em sua essência nesta região.

Selecionamos três projetos da AMES para que você conheça melhor e saiba como colaborar para que possamos continuar a levar o amor de Jesus Cristo para o Sertão. Confira!

1. Missão no Sertão: nossa equipe é composta por pastores, missionários e voluntários, que entendem o propósito e o chamado por missões. No Sertão, eles participam de cultos, visitas no interior dos estados da Bahia, Piauí e Pernambuco.

2. Construção de Igrejas: para continuarmos levando o amor de Deus, temos o projeto de Construção de Igrejas, que busca construir novos templos em comunidades rurais que ultrapassam 40 cristãos. Ao todo, mais de 25 igrejas já foram construídas no semiárido nordestino, sendo que cada um comporta cerca de 120 a 150 pessoas.

3. Caravanas Missionárias: centenas de pessoas visitam o Sertão para nos ajudar a levar o amor de Deus para o povo sertanejo. Além de visitas e cultos, os participantes atuam com ações sociais nas comunidades, com doações de cestas básicas, kits escolares, brinquedos, fraldas geriátricas e roupas e sapatos infantis e adultos. Para saber como participar de uma Caravana Missionária, clique aqui!

Como ajudar?

Em nosso site, você pode conhecer mais sobre os nossos projetos. Se você se interessou e quer colaborar com esta causa, seja um voluntário ou faça uma doação!

2

#FuiAoSertão: veja depoimentos de quem participou da última Caravana Missionária!

As Caravanas Missionárias são sempre cheias de bênçãos: é por meio delas que dezenas de pessoas desembarcaram em diferentes localidades do Sertão para levar o amor e a Palavra de Deus para o povo sertanejo. Neste post, a AMES separou o depoimento de dois dos participantes da última caravana. Veja como foi!

Olhar para o missionário

“Foi a minha primeira vez no Sertão. Fui até Caturama, na Bahia, e lá tive uma melhor percepção dos desafios do trabalho missionário no Sertão. Ao todo, visitamos três povoados próximos a Caturama. O povo sertanejo é muito educado, simpático e aberto ao evangelho. Apesar de serem muito simples, eles são muito receptivos e amorosos. Foi uma experiência maravilhosa”.

Daniel Fernandes Araújo – 38 anos – 3º Igreja Batista em São Mateus (ES)

Carência espiritual

“Fui para a localidade de Brotas de Macaúbas, na Bahia, e também conhecemos as bases de Alvorada, Baraúnas, Santana e Mata do Bom Jesus, que ficam próximas. Foi uma experiência incrível, onde conhecemos uma outra realidade. Além disso, tivemos contato com os missionários e pudemos conhecer o lindo trabalho que eles estão realizando por lá. O povo sertanejo está sedento pela Palavra de Deus, e a sensação é que podemos fazer muito mais. Já estamos nos programando para voltar em Janeiro, e a cabeça está cheia de ideias de como ajudá-los”.

Letícia Guimarães – 22 anos – Igreja Presbiteriana de Laranjeiras – Serra (ES)

Separamos mais imagens para você ver como foi!

Crédito das imagens: Letícia Guimarães

Conheça a AMES!

Quer saber como funcionam as Caravanas Missionárias? Clique aqui! Conheça também nossos projetos e saiba como contribuir a AMES a continuar levando o amor de Cristo para o povo sertanejo!

1

Solidariedade Cristã: a importância da ajuda ao próximo!

Você já ouviu a frase “fazer o bem faz bem”? Ajudar ao próximo é um ato de amor, e um dos principais ensinamentos de Jesus Cristo! Mas, você sabia que há diversas formas de ajudar o próximo? No post de hoje, a AMES separou três formas de colaborar e transformar a vida do povo sertanejo. Continue lendo!

  1. Missões: o trabalho missionário visa impactar, transformar vidas e participar do avivamento por meio do Evangelho. Diariamente, missionários e pastores realizam cultos e visitas a casas no interior da Bahia, Piauí e Pernambuco. Além disso, os participantes das Caravanas Missionárias espalham o amor de Deus para o povo sertanejo, além de atuarem com ações sociais, como doação de cestas básicas, kits escolares, brinquedos, fraldas geriátricas e roupas e sapatos infantis e adultos.
  2. Ajuda financeira: se você ainda não tem disponibilidade para participar de missões no Sertão, pode contribuir gerando oportunidades para que os sertanejos tenham a oportunidade de conhecer as boas novas de Jesus. As doações são de extrema importância para termos a estrutura necessária e colocarmos em prática nossos planos de impactar o Sertão por meio da Palavra de Deus.
  3. Orações: a realidade das comunidades sertanejas é bem diferente da nossa. O povo sertanejo enfrenta diversas dificuldades, entre elas a extrema pobreza e o acesso à água e serviços de saneamento. A oração traz segurança e paz aos nossos corações, e pode colaborar para a mudança dessa realidade. Contamos com a sua oração!

Conheça a AMES!

Conheça nossos projetos e saiba como ajudar a AMES a continuar levando o amor de Cristo para o povo sertanejo!

2

Caravanas missionárias: veja como foi!

O mês de Julho foi marcado por muitas bençãos no Sertão: ao todo, 9 Caravanas Missionárias desembarcaram em diferentes localidades do semiárido nordestino. Foram dezenas de participantes que nos ajudaram a levar o amor e a Palavra de Deus para o povo sertanejo. No post de hoje, a AMES separou o depoimento de alguns deles. Confira como foi!

Sonho realizado

“Foi a minha primeira ida ao Sertão. Fui até a localidade de Brotas de Macaúbas, na Bahia, e de lá visitamos as bases de Alvorada, Cocal e Baraúnas, que ficam próximas. Foram 5 dias incríveis, pois eu sempre quis fazer missão, era o meu sonho. A realidade do Sertão é bem diferente, e nos faz ser mais grato pelo o que nós temos”.

Kamilla Mathielo – 22 anos – Igreja Presbiteriana de Laranjeiras – Serra (ES)

Experiência inesquecível

“Saí em êxtase com tudo o que presenciei e vivi. Foram três dias em Caturama, na Bahia, onde participamos de cultos, visitas nas residências e até do primeiro batismo da região. Foi incrível participar dessas experiências e poder contribuir para espalhar o amor de Deus no Sertão”.

Redney Borba Moreira, 38 anos – Primeira Igreja Batista da Serra (ES)

De volta ao Sertão

“Foi a minha segunda experiência de missão no Sertão. Já tinha ido a Casa Nova, na Bahia, há um ano. Agora, voltei para participar da caravana missionária em Caturama. É sempre uma experiência única, onde podemos conhecer um pouco mais sobre a vida do povo sertanejo e ainda levar a Palavra de Deus para aqueles que ainda não conhecem. É uma experiência de amor ao próximo”.

Mycheli Felberk Cardoso – 37 anos – PIB de Laranjeiras – Serra (ES)

Caravanas Missionárias: saiba como participar!

As Caravanas Missionárias têm o objetivo de levar o amor e a Palavra de Cristo para o Sertão, além de ações sociais, como atividades com as crianças e jovens e doação de cestas básicas, material de higiene pessoal, kit escolar, brinquedos, fraldas geriátricas e roupas e sapatos infantis e adultos. Se você quer fazer parte desta experiência, clique aqui e saiba como ir ao Sertão!

1

Cuidar de quem cuida: conheça o trabalho de Denise e Marcelo!

“O meu mandamento é este: Que vos ameis uns aos outros, assim como eu vos amei”. No evangelho de João 15:12, Jesus Cristo fala da importância do amor e cuidado ao próximo. E é com este pensamento que Denise e Marcelo Fregnani, ambos de 50 anos, atuam com Cuidado Missionário há mais de 27 anos – sendo 3 no Sertão pela AMES. Conheça mais sobre esse importante trabalho!

Um desafio necessário e gratificante

O Cuidado Missionário é um trabalho cheio de desafios, mas muito necessário: é por meio dele que Denise e Marcelo se dedicam para cuidar e dar apoio a pastores, obreiros e missionários que atuam no campo de missões. O casal atua em Petrolina, em Pernambuco, e em mais 13 bases situadas também nos estados de Piauí e Bahia. Eles atuam por meio de visitas individuais e em igrejas dos povoados, além de reuniões individuais com os missionários. Para o casal, a base do trabalho é o bom relacionamento.

“Nós procuramos entender as problemáticas, os conflitos, as alegrias e tristezas de cada um dos missionários e pastores que atendemos. Mas, para isso, buscamos nos inserir no dia a dia deles. Passamos dias em cada base, presenciamos a rotina de cada um e, dentro desse contexto, vamos tendo a percepção das necessidades reais que eles têm”, explica Marcelo Fregnani.

O principal desafio, segundo ele, é entender a necessidade de cada um. “Precisamos criar um ambiente emocionalmente seguro para que eles estejam dispostos a serem ajudados. Tem que querer, é fundamental que eles estejam seguros para falar. Estar presente, conviver com eles e entender um pouco mais sobre a casa e o ministério de cada um faz toda a diferença”, completa.

Conheça também a história de Levi Custódio e Suely Regina, que atuam na área de Cuidado Missionário! Para conhecer mais sobre projetos da AMES no Sertão, clique aqui!